Um, dois e mais alguns

Uma quarta-feira à noite e poucos planos
um modo de te encontrar em algum lugar
se arruma que estou chegando.

Dois instantes pra fechar a janela
outro para pegar o elevador
um aceno que para um táxi.

Três curvas à direita e outra à esquerda
algumas luzes apagadas no túnel
mais alguns passos pra tocar o interfone.

Quatro e meia da manhã
preciso voltar antes do sol sair
fica, você disse.

Cinco segundos e parei de pensar
um sorriso e um afago em seu rosto
levanto e saio andando.

Seis botões pra fechar a roupa, a bolsa e o sapato
dois sorrisos pra selar uma despedida
saio pelo corredor.

Anúncios