Ela é feliz!

20140424-222822.jpg

Ela se levanta pela manhã, toma um banho, se veste, se penteia, se pinta e está pronta em 15 minutos.

Acorda a criança e prepara o café da manhã, a mochila e ainda se lembra de olhar se estão bem limpas as orelhas e se foram cortadas as unhas.

Ela dá bom dia ao porteiro, deixa a criança na escola, enfrenta o trânsito, abre o escritório, responde alguns emails, prepara relatórios, paga algumas contas… E ainda são 10 da manhã…

Ela bebe outro café, volta para o computador, fecha alguns trabalhos, atende telefonemas. Conta uma piada. Ela almoça, fala com a mãe ao telefone e pergunta se os exames estão em dia, envia flores a melhor amiga que comemora bodas de algodão, compra ingressos para o teatro, faz reserva em um restaurante e vai a reunião da escola no fim da tarde.

Ela volta pra casa, se despe do papel de profissional, solta os cabelos, coloca um vestido, passa um batom vermelho, sobe em um belo salto e vai.

Ela dança, canta e sorri. E ela volta, distribui beijos de boa noite, carinhos, dorme e sonha.

Ela é feliz, pois sorri de graça, mas recebe em troca a enorme e rica alegria das pessoas que a cerca!

Ela é feliz não por ter muito, mas por dar sempre o que tem e por receber mesmo que não espere nada em troca.

Ela é feliz pela imensa sorte de encontrar sempre as flores no caminho e elas algumas vezes estão escondidas embaixo das pedras.

Ela é feliz…

Ps: Sorria Sempre!

Anúncios

Me deixem dormir

20140414-230931.jpg

É como aquela goteira chata e insistente que você só descobre que existe as duas da manhã. Ou como aquele relógio que um dia, do nada, resolve fazer tic-tac no volume mais estridente que você já conheceu.

É quase como aquela obra de arranha céu que vara dias e noites ao som de uma britadeira, marteladas e gritos infinitos.

Aquele guarda noturno de condomínio que passa de moto com um apito chato que serve apenas pra te fazer perder o foco.

Os pensamentos que me rendem
Textos insistem em só querer invadir minha mente na hora do sono. Não sei se assim eles se sentem privilegiados por ocupar um tempo que pra mim é primordial, só sei que eles surgem e parecem um tsunami noturno e querem de qualquer maneira migrar para o papel e só assim me deixam.

Se juntam como em rebelião para tirar a minha paz como um filho que suplica por atenção e só é capaz de aquietar-se depois de ganhar um abraço. Bem assim são minhas idéias, meus pensamentos… Me tiram o sono e insistem para que eu lhes dê alguma concretude.

Agora pronto! Estão aí, postos a vista, divulgados, explanados. Podem ser conhecidos, julgados, bem ou mal falados…

Pois bem… Agora me deixem dormir…

Um caminho

20140404-221411.jpg

Não é fácil acordar todos os dias e buscar forças para encarar a vida de cabeça erguida. Lutar para combater as incertezas e muitas vezes para buscar as certezas.

Ser forte é mais que uma qualidade, é uma necessidade, principalmente quando não se tem outra opção. É ir e vencer ou nada.

Os caminhos são difíceis, as pedras são grandes, doloridas, pesadas, machucam, causam dor, fazem chorar, perder o sono… Mas a estrada continua e é certo que não se deve parar.

Fazemos escolhas, sofremos suas consequências, deixamos de fazer escolhas e também vivemos as consequências.

Omitimo-nos, nos acovardamos, deixamos pra depois, calamos muitas vezes nos momentos errados. Enfim… Somos humanos…

De tudo ficam as lições, o aprendizado, a experiência e as histórias que passamos a frente. Das quedas, oportunidades de reerguer-se e novamente tentar.

Pessoas não são blindáveis, não nascem prontas e também não vivem para sempre. Pessoas precisam se condicionar, adquirir, deixar passar, desobedecer. Precisam acalentar, transgredir, buscar, sentir..

Gente de verdade sente dor, adoece, se engana, se irrita, sente tristeza. Gente de verdade derrama lágrimas.

Pessoas precisam aprender a construir, mas também a destruir e recomeçar. Elas precisam viver e a vida implica em escolher caminhos.