A cria que criei.


Aaah! Quem não tem não sabe como é. Ser Criador!

Quem só pensa no lado trabalhoso, cansativo e caro, não sabe o quão recompensador é poder contemplar a sua criatura. Ganhar um sorriso… Ver cada pequena evolução que é muito mais extraordinária do que a evolução do mundo todo… Ver um pedacinho seu, que anda, que fala, que pensa, que sente e que ri e faz rir. 
Quem não tem pode até fazer ideia, mas não sabe como é no fim da noite que a gente para só pra olhar esse pedacinho de ser humano jogadinho, preguiçoso, esparramado na caminha… 
E é tão puro, é tão verdadeiro. É gratuito esse amor que só quer o melhor.

É detalhe, miudeza, pequeninice e bobagem, mas é bom, é tão bom… 

Um cheirinho, um sorriso, um abraço apertado, umas mordidinhas… Uma soneca no colo, uma música chata pra ficar na cabeça o dia todo, os brinquedos espalhados pela casa e a vontade de estar ao lado em todos os momentos.

É minha. Minha criaturinha. É pedaço meu e é pra sempre!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s